Que danado é ser criativx?

Dom ou técnicas nos fazem ser criativo? Primeiramente, temos que querer sê-lo. Concordas?

É muito importante no ser humano a motivação, pois ela nos dá subsídios para que possamos ultrapassar obstáculos; e, irmos mais além, até onde não imaginaríamos chegar.
Há um ditado popular – que uso muito -, onde diz o seguinte: “O tempero da comida é a fome”. E são nas dificuldades que aumentamos nosso potencial. Nelas, a gente consegue realmente “espremer leite de pedra”. Sabes o por quê? Saímos de nossa famosa zona de conforto. A mente se torna mais criativa para conseguir atender as necessidades. Nem tudo que está na
prateleira faz bem ao coração. E para A Economia Criativa, Design, com todas suas vertentes, Marketing e Publicidade não é diferente. Mas não é mesmo!

Devemos ser ousados ao que faremos. Não basta trabalhar num Apple Mac high end e/ou ter os melhores programas instalados, se não soubermos em qual momento criar uma peça mais clean, outra mais over e voltada para o público-alvo correto, seja ele qual for.

Pequeno gafanhoto, observe a tudo que nos cerca; a leitura – até de bula de remédio -; como também assistir programas que não são do nosso agrado, mas pode ser de nossa clientela. O somatório disso tudo é válido para gerar conhecimento e ter referências.

O criativo não precisa saber de tudo e muito aprofundado, mas tem por obrigação conhecer um mar de informações, mesmo que tenha 5 cm de profundidade. Quem detém a informação hoje e sabe trabalhá-la, terá destaque; como também o mercado de trabalho é um espelho: ele somente reflete o que vê.

Vamos então nos mostrar da melhor forma?

Alfredo Galamba,
É professor por amor, idealizador da Expolab e torcedor do Íbis.

CURSOS E PROMOÇÕES EXPOLAB
Saiba de nossas próximas turmas: http://www.expolab.com.br/agenda
Conheça todas as áreas que atuamos: http://www.expolab.com.br/areas_cursos
Vagas de emprego e estágio: http://www.expolab.com.br/vagas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *