Blog – expoLAB

O lucro por trás da cultura

No último dia seis (6), foi lançado artigos em alguns sites sobre as novas bonecas Barbie, a coleção “Mulheres Inspiradoras” seria a nova proposta da Marvel com o objetivo de trazer motivação para garotas através de figuras femininas que contribuíram para a história, como por exemplo Frida Kahlo, que vem sendo muito falada ultimamente e reconhecida como um símbolo feminista. Mas apesar da ótima sacada da marca de levar história e cultura para crianças o questionamento que guiará o texto é: A nova proposta da Marvel é, de fato, levar inspiração para meninas ou seria apenas uma manobra da Indústria Cultural?

Esse termo, Industria Cultural, visa acima de tudo o lucro. Além disso, geralmente, os produtos que envolvem esse contexto são voltados para o consumo excessivo das massas. Fazendo com que os consumidores interpretem de maneira automática que obtendo determinado material o seu status social será elevado, afinal estará adquirindo cultura em seu estado puro. Entretanto, o que a Indústria de fato produz é padronização artística, onde extrai a essência de obras já existentes e reproduz em diversos produtos.

Os meios de comunicação de massa são muito utilizados também nesse contexto como forma de propagar informações sobre essas mercadorias e atrair as pessoas para o ato de consumo. No final das contas a hegemonia do comércio estará sempre nas entrelinhas.

 

Desta forma, retornando para a pergunta feita no início do texto, se torna claro que a Marvel fez a nova coleção “Mulheres Inspiradoras” baseando-se nas máscaras da Indústria, utilizando a Barbie que é um objeto de compra bastante consumido pela massa e divulgando o novo produto em um período bastante propício, que foi próximo do Dia Internacional da Mulher.

 

CURSOS E PROMOÇÕES EXPOLAB
Saiba de nossas próximas turmas: http://www.expolab.com.br/agenda
Conheça todas as áreas que atuamos: http://www.expolab.com.br/areas_cursos
Vagas de emprego e estágio: http://www.expolab.com.br/vagas

LUIZA PAIVA